2008-2012

As atividades do primeiro plano trienal da CJS (2008-2011) foram desenvolvidas sob a égide de três linhas essenciais: Projetar a Língua, Perceber a História e Navegar as Culturas.

Estas atividades, promovidas ou realizadas com a colaboração da CJS, visaram contemplar aspetos como o fomento do estudo da língua, literatura e cultura portuguesa e das diferentes culturas de LP, nomeadamente nas instituições universitarias catalãs e nos países de língua catalã; a promoção do conhecimento existente entre Portugal e a Catalunha, através do estudo das relações históricas e culturais de ambos os territórios, num contexto relacionado com as restantes culturas peninsulares; a dinamização, através de projetos de investigação pertinentes e inovadores, das relações académicas e de transferência de conhecimentos com os Países Africanos de Língua Portuguesa, assim como com os países da América Latina; e por fim, o aproveitamento das sinergias já existentes para prosseguir e aprofundar o impacto das actividades da CJS.

Ao longo destes anos, a Cátedra tem contado com o apoio das seguintes instituições: Camões – ICL; UAB (Faculdade de Tradução e Interpretação, Faculdade de Letras, Departamento de Filologia Românica, Departamento de História, Faculdade de Ciências da Comunicação, Departamento de Comunicação, ...); Escola Universitária de Turismo; Universidade de Barcelona: Cátedra Internacional OMC/Integración Regional (OMC-IR); OBREAL- Observatorio de las relaciones Unión Europea-América Latina; Universidade Politénica de Catalunha: projeto REDE GUNI; Fundação José Saramago; Instituto Ramon Llull; Institució de les Lletres Catalanes; Fundação Barcelona Latinitatis Patria; Centro de História da Universidade de Lisboa; Instituto Estudos Ibéricos da Universidade do Porto; Universidade Eduardo Mondlane; Instituto Piaget –Praia – Cabo Verde; Cátedra Fernando Pessoa da Universidad de los Andes (Bogotá).


2008

1. Diálogos Peninsulares em torno de Fernando Pessoa. Exposição inaugurada no dia 15 de janeiro de 2008, na Fundação Mário Soares em Lisboa. Organizada pela Cátedra José Saramago em colaboração com o Instituto Español Giner de los Ríos de Lisboa e a Fundação Mário Soares.

2. Conferências do autor José Luís Peixoto. Aproveitando a vinda do escritor português a Barcelona a convite da editora El Aleph (para actividades promocionais), o CLP/IC e a CJS organizaram, no dia 25 de Abril de 2008 (conjuntamente com a Dra. Manuela Neto), uma conferência para os alunos da Universidade de Valência e um recital poético em colaboração com a Aula de Poesia da Universidade de Valência (com base no qual foi publicada uma plaquete com poemas seleccionados do recital). Esta atividade realizou-se no âmbito da exposição “Novas Textualidades em Língua Portuguesa”, que esteve patente durante o mês de abril na Universidade de Valência.

3. Congrés Internacional de Neologia en les Llengües Romàniques (CINEO 2008). Colaboração no âmbito deste Congresso ao nível da vinda dos investigadores portugueses Mafalda Antunes, Margarita Correia, Ana Margarida Borges e Miguel Gonçalves. Organizado de 7 a 10 de maio de 2008 pela investigadora catalã Teresa Cabré, diretora do Observatori de la Neologia de la Universitat Pompeu Fabra (http://www.iula.upf.edu/obneo/).

4. Seminário de Tradução Literária catalão-português. No âmbito do Protocolo de Colaboração com o Instituto Ramon Llull, organização e planificação de um seminário de tradução literária, dirigido a tradutores do catalão para português conjuntamente com o professor Joaquim Sala Sanahuja (tradutor da obra poética de Fernando Pessoa para catalão), tendo em vista a eventual ampliação do Prémio Giovanni Pontiero a traduções do catalão para português. O seminário realizou-se nas instalações do Instituto Camões de Lisboa de 26 a 30 de novembro de 2008 e contou com a participação do escritor catalão Jaume Cabré que apresentou a sua obra Les Veus del Pamano cuja tradução ao português acabava de ser lançada.

 

2009

1. Jornada Literária DE MAR A MAR. Realizado durante o mês de novembro de 2009, este encontro esteve subordinado ao tema: “O Romance e a História”. Organizada conjuntamente pelo CLP/IC e pelo Instituto Cervantes, contou com o patrocínio do Instituto Camões e do Instituto Cervantes. Nesta Jornada Lietrária, participaram escritores como Miguel Sousa Tavares, Maria de Fátima Marinho, Miguel Real, Maria Pilar Queralt del Hierro, Fernando Martínez Laínez e Ignacio Martínez de Pisón. A primeira mesa redonda subordinada ao tema: “Novela histórica: claves de un fenómeno literário” foi moderada pelo Professor de “Teoría e Historia del Periodismo y de Periodismo Cultural” da Universidad Internacional de Catalunya, o jornalista e escritor Sergi Dória, e a segunda intitulada “Literatura, periodismo y revisionismo histórico” pelo catedrático de Literatura Espanhola da UB, crítico literário e escritor, Jordi Gracia.

2. Naciones y ciudadanos soberanos: prácticas y discursos del primer liberalismo en España y Portugal. Entre janeiro de 2009 e janeiro de 2010, o Doutor Jordi Roca levou a cabo um estudo sobre as relações históricas entre Portugal e Espanha através de uma bolsa concedida pelo IC. A entrega do referido trabalho concretizou-se no mês de Setembro de 2010. (Link da obra em breve).

3. Indicities/Indices/Indícios. Em abril de 2009, a CJS esteve envolvida na organização de um Congresso sobre as literaturas dos países do Oceano Índico. O evento, que contou com a presença da Professora Doutora Ana Mafalda Leite (Universidade de Lisboa), da Professora Doutora Fátima Mendonça e do Professor e escritor moçambicano João Paulo Borges Coelho, entre outros, tratou sobretudo sobre a literatura de Moçambique. De referir que, deste encontro, ficou INDICITIES/INDICES/INDÍCIOS:Hybridations problématiques dans les littératures de l’Océan Indien (Editions KA, Paris, 2010), obra publicada em 2010, e que inclui todos os textos das respectivas conferências.

4. No âmbito da VII MOSTRA PORTUGUESA 2009-BARCELONA organização em parceria com o Ateneu Barcelonês da apresentação da antologia bilingue da poesia portuguesa Alma Minha Gentil com a presença dos poetas portugueses Ana Luísa Amaral e Vasco Graça Moura.

5. “Irmãos Afastados/ Uns Apartats Germans”. Organização de um seminário sobre as relações históricas entre Portugal e a Catalunha, que contou com a participação de especialistas tanto de Portugal como da Catalunha (Prof. Medeiros Ferreira, Josep Sánchez Cervelló, Fernando Catroga, Conceição Meireles Pereira, Víctor Martínez-Gil (coordenador), Joaquim Sala-Sanahuja, e Jesús Revelles Esquirol). O evento foi organizado em colaboração com o Consulado Geral de Portugal em Barcelona e com o “Seminari de les Literatures Ibériques” (grupo de investigação da Faculdade de Letras da UAB).

 

2010

1. Publicação de “Atlântico Imaginado”. Obra que tem por objetivo a abordagem das relações histórias de ambos os lados do Atlântico e a influência das culturas portuguesa e espanhola no imaginário dos povos espanhol e português. Projeto desenvolvido em parceria com o grupo de pesquisa do Departamento de Antropologia e História da América e África da Universitat de Barcelona, dirigido pelo Professor Doutor Luis Peinado Alonso. A CJS ficou encarregada da coordenação geral das traduções, tanto de português para espanhol como de espanhol para português.

2. Conferências da Professora Doutora Patrícia Vieira sobre Literatura de Língua Portuguesa, da Georgetown University. Evento de divulgação da literatura portuguesa e lusófona junto do público catalão, aproveitando a sua estada em Barcelona. Na primeira, a Dra. Patrícia Vieira abordou as relações entre a política, a literatura e a filosofia, tendo como ponto de partida as noções de luz e sombra nas obras de Graciliano Ramos e José Saramago. A conferência teve lugar na Universitat de Barcelona. Na segunda, dirigida especialmente aos estudantes de Tradução da Universitat Autònoma de Barcelona, a Prof.ª Dra. Patrícia Vieira debruçou-se sobre a obra de Saramago e sobre o que ela intitula como “Distopia da razão” na obra do autor.

3. Uns apartats germans: Portugal i Catalunya. Sob a coordenação de Victor Martínez-Gil, publicação do livro que recompila as comunicações efetuadas pelos convidados do seminário com o mesmo nome. Edição a cargo de Lleonard Muntaner, Editor, em setembro de 2010.

4. Lançamento da reedição da tradução para catalão de Os Lusíadas. Este ato, realizado no dia 24 de Novembro de 2010 no Ateneu Barcelonès, contou com a a participação da Doutora Helena Tanqueiro, de Elena Losada (professora de Literatura Portuguesa da Universitat de Barcelona) e de Víctor Pérez e Flores. O evento incluiu a récita em português e catalão de algumas passagens da obra de Camões. A reedição de Els Lusíades, traduzida por Guillem Colom e Miquel Dolç, foi publicada pela editora catalã Editoral Alpha.

 

2011

1. Homenagem a José Saramago. Evento relacionado com a súbita morte do autor. A homenagem teve lugar a 18 de Fevereiro de 2011, e contou com a participação de todos os professores de português da FTI. A CJS colocou à disposição de professores e alunos o fundo bibliográfico (com cerca de 220 traduções das obras de José Saramago para cerca de 40 idiomas). Na homenagem, foram lidos excertos selecionados das diversas traduções. Pilar del Rio, a viúva do escritor, e Miguel Gonçalves Mendes, o realizador do documentário intitulado José e Pilar, estiveram presentes.

2. “VIOLÊNCIA, HISTÓRIA E CRIAÇÃO ARTÍSTICA NAS LITERATURAS DO OCEANO ÍNDICO”. Colaboração com o Grupo de investigação LITPOST na divulgação da “ V JORNADA INTERNACIONAL DE ESTUDOS”, que versou sobre o tema indicado e se realizou na UAB no dia 9 de Junho de 2011. Além de diversos especialistas de Universidades de Moçambique, Madagáscar, Salamanca, e Paris (Sorbonne), a Jornada contou com a participação, por parte de Portugal, da Professora Doutora Ana Mafalda Leite. 

3. Univers Pessoa 2011. Atividade realizada em vários espaços das cidades de Girona, Salt e Sarrià de Ter, de 7 a 22 de Junho de 2011. um ciclo de actividades/homenagem dedicadas ao poeta português Fernando Pessoa. Entre as muitas actividades realizadas, destacam-se um recital e leituras dramatizadas de poemas e romances de Pessoa; leituras na rua e a visualização do filme Réquiem, de Alain Taner (1998). Os professores Joaquim Sala-Sanahuja (tradutor da obra do poeta português para o catalão) e Nazir Can (docente dos cursos de Língua Portuguesa – Intermédio e Avançado – deste CLP/IC) fizeram uma conferência, seguida de uma mesa-redonda, intitulada “Fernando Pessoa e os heterónimos”, no centre Cultural La Mercè de Girona. Estas atividades foram uma iniciativa do Centre Cultural La Mercè - Ajuntament de Girona, e contaram com a colaboração da CJS e da Casa Fernando Pessoa, de Lisboa.

 

2012

1. Acervo bibliográfico online do CLP / IC de Barcelona e da Cátedra José Saramago. A partir do dia 12 de junho de 2012, passaram a estar disponíveis para divulgação e consulta online a partir de qualquer parte do mundo ambos os acervos bibliográficos (do Centro de Língua Portuguesa da UAB e da Cátedra José Saramago). Todos os livros deste acervo estão disponíveis para consulta, podendo ser requisitados de forma gratuita.

2. Publicação do Dicionário de Falsos Amigos Português-Catalão / Catalão-Português. A obra lançada no mês de julho de 2012 pela Enciclopèdia Catalana, com o financiamento do Camões IP, está destinada a ser um elemento de referência para estudantes, professores e tradutores de português dos territórios de língua catalã. Tratou-se de um complexo e longo projeto, da autoria de Paulo Pitta, M. del Cármen Férriz e Rosó Gorgori, que contou com a coordenação do professor Doutor Carles Castellanos, também da Facultat de Traducció i d’Interpretació da Universitat Autònoma de Barcelona (UAB). Este dicionário foi publicado através da Cátedra José Saramago, contendo 175 pares de falsos amigos, com mais de 400 exemplos esclarecedores.  

3. Bibliografia Catalão-Português / Português-Catalão. Ao abrigo da Bolsa de Investigação concedida pelo Instituto Camões através da Cátedra José Saramago da UAB, os bolseiros Gisela Massana e Sebastià Bennassar realizaram, ao longo do ano de 2011, um exaustivo trabalho de recolha da bibliografia Catalão-Português / Português-Catalão relativa às traduções literárias publicadas entre os anos 2000 e 2010. Este trabalho dá continuidade, dez anos mais tarde, ao projeto que consistiu na edição conjunta, por parte do Instituto Camões e a Institució de les Lletres Catalanes, publicada em formato papel, em 2001 (ano em que foi inaugurado o CLP/IC de Barcelona) que compilava a bibliografia relativa às traduções literárias publicadas nas duas línguas entre 1974 e 2000. A recolha da informação encontra-se à disposição dos possíveis interessados no blogue criado para este efeito pelos referidos bolseiros: http://livrosillibres.blogspot.com.es/.

4. Espetáculo “Fado & Psiquiatría. Psicopatología de la Saudade”. Mesa redonda que teve lugar no dia 21 de Fevereiro, na sala Magna do Campus Catalunya da Universitat Rovira i Virgili de Tarragona, a propósito da peça Fado & Psiquiatría. Psicopatología de la Saudade. A representação teatral de Alfonso Desentre e Inma Oliver contou com interpretação musical da cantora galega Susana Germade, componente do grupo “Fado porque me faltan sus ojos”. Este espetáculo surgiu com base num caso clínico real, tratado pelo Dr. Carlos Ranera, também autor do texto, relativamente ao qual o fado e a saudade se tornam elementos imprescindíveis da psicoterapia. Na referida mesa redonda posterior ao espetáculo, participaram os psiquiatras Angel García Prieto e Carlos Ranera, que explicaram a importância do fado e da psicopatologia da saudade como via terapêutica em determinadas patologias, e a Doutora Helena Tanqueiro, que interviu ao nível do foro histórico-cultural. Esta iniciativa foi organizada pelos Serveis de Salut Mental do Hospital Sagrat Cor com a colaboração do Departament de Antropologia da Universitat Rovira i Virgili, o Institut Pere Mata de Réus, o CLP/IC de Barcelona e a Cátedra José Saramago.

5. Congresso Internacional Géographies du vertige dans l'œuvre d'Enrique Vila-Matas. Este congresso, realizado entre os dias 29 e 30 de março de 2012 organizado pela Université de Perpignan conjuntamente com grupo LITPOST (da UAB) e apoiado pelo Instituto Camões através desta Cátedra, contou com a presença do escritor catalão Enrique Vila-Matas, dos tradutores e especialistas da sua obra, bem como do editor português Carlos da Veiga Ferreira, que explicou, na entrevista realizada pelo Doutor Nazir Can, as particularidades da recepção do aclamado escritor em Portugal. Este evento científico, para além de promover um encontro entre o autor catalão Enrique Vila-Matas, os seus leitores, investigadores e tradutores da sua obra, confirmou a importância de Vila-Matas em Portugal e vice-versa. Neste sentido, divulgou-se a língua e a cultura portuguesas, bem como o seu mundo editorial e literário. O congresso contou com a contribuição de especialistas de Espanha, França, México, Brasil, Estados Unidos, Suíça e Itália.

6. Conferência da Professora Elena Brugioni intitulada “Representação, Memória e Pós-colonialidade - uma leitura de O OLHO DE HERTZOG de João Paulo Borges Coelho”. Prosseguindo no caminho da promoção das literaturas africanas de língua portuguesa, a Cátedra José Saramago organizou no dia 19 de abril de 2012, com a colaboração do Departamento de Línguas Românicas da Universitat de Barcelona, uma conferência da professora Elena Brugioni sobre a literatura de Moçambique e um dos seus mais importantes representantes, João Paulo Borges Coelho. A conferência centrou-se no estudo do romance O Olho de Hertzog, Prémio Leya 2009 para o melhor romance de língua portuguesa.

7. Organização da Exposição PESSOA & CIA. No âmbito da “Mostra Portuguesa” de Barcelona 2012, esta Cátedra organizou, em colaboração com a autora, Laura Pérez Vernetti, e o Reial Cercle Artístic de Barcelona, uma exposição de extratos da obra de Banda Desenhada sobre Fernando Pessoa, seus heterónimos e Livro do Desassossego, intitulada PESSOA & CIA (editada em espanhol e português). A exposição,que esteve patente ao público na sala “Atlantes” do Reial Cercle Artístic de Barcelona de 22 de novembro a 2 de dezembro, contou no dia da sua inauguração com cerca de 200 assistentes. Para além do público, estiveram presentes as autoridades que realizaram o discurso de apresentação: Sr. Cônsul-Geral de Portugal, Dr. João Ribeiro de Almeida, Presidente e Diretor-Geral do Reial Cercle Artístic, respetivamente Dr. Josep Fèlix Bentz e Dr. Joan Abellò, a autora, Laura Pérez Vernetti e a Doutora Helena Tanqueiro, Coordenadora da Cátedra José Saramago e responsável pelo CLP/IC de Barcelona. Tratou-se de uma iniciativa inédita, visto ser a primeira vez que a obra de Fernando Pessoa foi adaptada a este âmbito artístico.

8. Colaboração da Cátedra com a Fundação José Saramago. A equipa da Cátedra José Saramago, conjuntamente com a do CLP/IC, colabora desde o passado mês de maio de 2012 mensalmente com a Fundação José Saramago, a pedido da própria Presidente, Pilar del Río, assegurando dessa forma a tradução para espanhol da totalidade dos artigos da revista Blimunda (http://josesaramago.org/tag/blimunda), a publicação periódica da responsabilidade da referida fundação.

9. Espectres del cinema português contemporani. Història i Fantasma en les Imatges. Colaboração da CJS na edição da obra da Doutora Gloria Salvadò Corretger. Edição a cargo de Lleonard Muntaner, Editor. em dezembro de 2012.

Campus d'excel·lència internacional U A B